Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

David Emitt Adams - Traces

O fotógrafo David Emitt Adamns, aquele das fotografias de colódio úmido em chapinhas de rolinhos de filme 135, tem um outro projeto interessante. Também envolve o famigerado colódio úmido, mas agora usando como base velhas latas de metal largadas por anos e anos no deserto do Arizona.

Aquele papo de arte todo de lado, vamos para o que interessa: fotografias reveladas na superfície de latas enferrujadas, algumas com mais de 40 anos! O cara coletou diversas latas que estavam dando sopa no deserto, enferrujando lentamente durante anos e anos, até que foram parar nas mãos de um fotógrafo maluco pelo processo de colódio úmido (acho que ele é louco por todos os processos antigões, não só esse) que resolveu usar as latas como base para uma série de fotografias do deserto.
No seu trabalho, as latas representam a presença humana nestas áreas com seus restos deixados para trás ao mesmo tempo que exibem imagens dos locais onde estavam depositados. Uma viagem loca, mas muito legal! Dá margem para muito papo e discussão.

Viaje nas imagens das latas com imagens no site do fotógrafo!

  • Traces – Por David Emitt Adams

ps.: tô cada dia mais doido pra experimentar esse processo de colódio úmido!

Leia mais:

Artigo anteriorRegra Sunny 16, um quebra galho quando não tem fotômetro Próximo artigoSubstituindo a bateria da sua Yashica Electro

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website