Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Flash Antigo de Metal, Japonês

Para quem não sacou ainda, é um flash antigo japonês, com refletor que se recolhe em forma de leque. Bastante interessante. Está sem lâmpada e sem pilha, só sobrou o capacitor gigante, mas provavelmente ainda funciona caso coloque uma pilha de 22volts (!!!) e a lâmpada.

Flash Antigo de Metal, Japonês - Fechado

Flash Antigo Japonês

E já tinham ideia sobre ser portátil. O refletor pode ser recolhido como um leque, para ser guardado sem risco de quebra, dobra e amassados, já que o material desse refletor é uma folha de alumínio bem fininha e delicada. Até para abrir e fechar precisa de muito cuidado para não estragar.

Flash Antigo de Metal, Japonês - Traseira com o Capacitor

Não tem circuito eletrônico, é tudo muito simples: uma pilha que carrega um capacitor que manda uma energia absurda para uma lâmpada.

Flash Antigo de Metal, Japonês - Aberto e com o Capacitor

Isso, o capacitor. Um detalhe bastante peculiar, é um capacitor de 200 µF gigante, do tamanho de uma pilha, e a pilha de 22v. Isso deve dar um senhor choque, mas não entendo nada de eletrônica e posso estar falando bobagem.

É bem legal, fica perfeito numa câmera mais antiga, ou até mesmo na holga ou na Lomo LC-A. Agora o negócio é descobrir como fazer pra arrumar.

Leia mais:

Próximo artigoWordpress

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website