Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Netflix Kodachrome - dxfoto

Um road movie com pai e filho, resolvendo suas questões em uma viagem até a pacata cidade de Parsons – Kansas, onde tem o último lab que pode revelar seus rolos de Kodachrome.

Tem Leica, tem estrada, tem um conversível vermelho, tem a Elizabeth Olsen (a irmã Olsen que vale) e tem muito lugar “fotografável”. Só isso já vale a pena. E tem mais, pode assistir na Netflix!

Netflix Trailer Kodachrome - dxfoto

Assista ao Trailer de Kodachrome, um filme positivo da Netflix?


Pôster

Kodachrome Pôster DXFoto

Sinopse

De Mark Raso, o filme “Kodachrome” conta a história de um fotojornalista, com câncer terminal, que convence seu filho Matt a ir com ele e sua enfermeira em uma viagem de Nova York ao Kansas para encontrar o último laboratório fotográfico nos Estados Unidos que ainda revela os filmes Kodachrome. A produção tem estreia prevista 20 de abril de 2018, na Netflix.

Quem vamos? Comenta aí o que achou do filme depois que conseguir assistir!

Leia mais:

Artigo anteriorOne last frame, um curta de Niels Windfeldt Próximo artigoManual do Mundo partiu uma Pentax (e nosso coração) ao meio

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website