Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Hoje todo mundo faz montagens incríveis graças as maravilhas da tecnologia digital e o famigerado photoshop, mas nos anos 60 era uma época mais romântica, da fotografia moleque, da fotografia de raiz. Para chegar nos seus resultados mais surrealistas o fotógrafo americano Jerry Uelsmann fazia uma maravilhosa gambiarra juntando diversos negativos em uma única imagem.

Retrato de Jerry Uelsmann

Jerry Uelsmann

O cara é um mestre da técnica, usava vários ampliadores já preparados e ia passando o papel de um ao outro, de acordo com seu plano até completar a montagem. Enquanto hoje é possível fazer isso em minutos (ou horas) no photoshop ele podia levar dias entre criar a imagem na sua cabeça, fotografar os elementos que fosse usar e depois montar tudo isso no laboratório. Ele fotografava pra caramba na rua, voltava e fazia provas de contato e ficava brincando com as possibilidades de fusões que aquelas imagens poderiam proporcionar e nesse processo acabava também reciclando muitas imagens do seu acervo.

Esse cara fotografava com a mente dele e sem nenhuma ferramenta digital ele entortava a realidade ao seu desejo. Só com isso já dá pra respeitar seu trabalho mas, com quantidade de gambiarrinhas envolvidas no processo, reforça ainda mais a ideia de que ele é o cara da manipulação fotográfica na raça! Realmente, photoshop é para os fracos!

O photoshop, o laboratório, os ampliadores e os químicos são ferramentas. Mas só pessoas com talento e sensibilidade podem transformar a realidade em algo mais, em algo mais impressionante. Olha só o nível do trabalho do cara, algumas imagens são tão surreais, mas tão bem fundidas que dá pra pensar “e se elas fossem verdadeiras?”. Uma verdadeira viagem gambiarrística analógica.

Imagens

Vídeo


No vídeo o fotógrafo fala e mostra o seu método de trabalho, e que trabalho!!!

Links

Leia mais:

Artigo anteriorUma câmera polaroid de fole feita com palitos de sorvete! Próximo artigoLomo-copter, uma Diana F+ pendurada em um mini helicóptero

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

1 comentário

  1. Renato N. Prado diz:

    Eu acho sensacional. Pra não dizer maravilhoso. Como se fosse possível não dizer “maravilhoso” para este trabalho.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website