Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Dá para revelar negativo colorido com químico preto e branco?

Eu sempre experimentei (sem muito sucesso) o processo cruzado, revelando um chromo (filme positivo) com o químico para negativo. As vezes fica legal, as vezes não. Muito mais por causa dos laboratórios de Taubaté que não sabem muito bem o que fazer com ele do que qualquer outra coisa.

Dá para revelar negativo colorido com químico preto e branco? - 2

Como tenho os químicos para revelação preto e branco resolvi experimentar revelar um negativo colorido no processo do preto e branco e descobri que funciona! Mas, basicamente, vira umfilme preto e branco.

E daí? E daí que se não tiver preto e branco e quiser fazer um preto e branco diferente, você pode usar os diferentes tipos de negativos coloridos disponíveis por aí. Ou se quiser revelar em casa um negativo que você já tem aí e não quer passar no laboratório. É particularmente interessante quando o conteúdo das fotos não podem ficar passeando pelas mãos de diversas pessoas desconhecidas no laboratório, não é?

Dá para revelar negativo colorido com químico preto e branco? -3

Revelar negativo colorido como negativo preto e branco

Usei o tempo padrão de cinco minutos à 20 graus, com um químico que comprei muitos anos atrás (mega vencido), o Ilford HC. O interruptor que usei foi vinagre diluido em água e o fixador foi um de papel mega vencido também. Esse meu processo tosco de revelação pb precisa ser publicado aqui, mas isso é coisa pra outro feriado prolongado!

Depois de revelar o negativo, levei no laboratório para ampliar em papel pra ver o que acontecia, já que no scanner ficou como um negativo preto branco normal.

Como resultado saiu um preto e branco com um tom estranho, mas legal. Vale a pena a experiência!

Mais fotos

Link

Leia mais:

Artigo anteriorBelair X 6-12, a nova médio formato da LSI Próximo artigoChave pra abrir a tampa de bateria de câmera analógica

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

8 comentários

  1. Rosana diz:

    Adorei sua experiencia e os resultados.
    Então, eu estou com algumas caixas de papel fotográficos mega vencidos, estou tentando fazer alguns fotogramas e revelar alguns negativos de pinhole, mas não estão dando muito certo, estou errando em alguma coisa, tempo de exposição para captação da imagem,tempo de químicos. No fotograma também, achei que por estarem papel e químicos vencidos não estavam dando certo. Comprei os químicos, mas ainda não está rolando legal.O problema é que o cara de que dependo para usar o laboratório já esta de saco cheio de experimentar.Mas estou vendo que vale a pena encistir.

  2. Rosana, vale a pena sim insistir! Procure anotar sempre os tempos e misturas de químicos pra comparar e descobrir um caminho, já que com os vencidos é muito na tentativa e erro mesmo! E que cara chato hein, deixa vc experimentar, pô! É assim que descobrimos as coisas mais legais…

  3. bluevalentine diz:

    julio, uma dúvida: farei minha primeira revelação, como funciona esse processo de escanear as fotos? é direto do filme ou eles revelam foto por foto? fui perguntar num dos labs e o rapaz ficou perdido, parecia até coisa de outro mundo, hahaha. o que me deixou confusa, pois tô me iniciando ainda. das revelaçoes que fiz e perdi, peguei só o papel. abç, obg.

  4. bluevalentine diz:

    primeira revelação que quero as fotos escaneadas, corrigindo.

  5. Depende, tem laboratório que faz o scan direto do negativo, o que dá mais qualidade e é mais barato. E tem outros que ampliam as fotos em papel e depois fazem o scan de cada foto ampliada, mas aí paga a revelação, depois a ampliação e depois o scan. A única vantagem de ter as fotos ampliadas é poder fazer o scan em casa com scanner normal. Eu gostava de ampliar tudo, a foto no papel era uma delícia, mas aí começou a não ter mais espaço para foto impressa em casa, aí desisti de ampliações, agora só revelo o negativo e peço pra fazer o scanner do filme direto.

    Se o cara do lab se confundiu todo, bem, é melhor achar um lab que entenda mais do assunto! Rsrsrs…

  6. bluevalentine diz:

    ah, então eu entendi certo e o cara me atrapalhou. rs. espero conseguir um lab que digitalize direto do negativo. comprar filmes já é caro, imagine pagar por dois serviços. se a impressora de casa fosse boa, quem sabe eu faria aqui. mas isso não será possível. vou atrás de um lab. e a última dúvida: se eu altero o iso do filme, aumentando ou diminuindo, preciso avisar ao lab disso? e é verdade que muitos podem não revelar? às vezes fico pensando o que é boato e o que é real rs. dizem tanto.

  7. Dona diz:

    julio,
    você saberia informar onde encontro um tutorial, bem passo a passo, de revelação em casa (quero tentar a mistura com café). tenho lido ‘as receitas’, mas ainda tenho muitas dúvidas no processo de feitura, tempo, etc. sou iniciante, enfim, rs.
    obrigada, abraços

  8. Dona, esse vídeo pode dar uma ajuda no começo!

    depois tem esse grupo no flickr https://www.flickr.com/groups/1355254@N23/discuss/72157623223533641/ com boas dicas de receitas.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website