Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Olha aí a Sociedade Lomográfica Internacional inventando, depois de inventarem um digitalizador para os filmes feitos com a filmadora Lomokino eles resolveram criar o seu próprio scanner de filme usando os smartphones como unidade processadora. Detalhe: só pra filmes 135 (35mm), imagino que no futuro terá outra unidade só pro filme 120.

E pra ser mais hipster ainda eles lançaram o projeto no Kickstarter. E pra acompanhar essa unidade tem um aplicativo de processamento de imagem que, esse sim, é grátis e vai ter tanto pra android quanto pra iphone.

De qualquer maneira acho bacana, já tentei usar o meu celular pra fotografar negativos, além de chato pra alinhar e fazer foco macro, falta sempre um aplicativo bacana que faça o trabalho sujo de photoshop pra inverter os negativos malucos que saem dos processos cruzados, filmes vencidos, filmes cozidos no sol ou na panela, entre outros processos alternativos malucos incentivados por eles.

Quero muito testar esse carinha com os negativos zoados que tenho aqui, que não é qualquer scanner que consegue tirar uma imagem decente deles!

Link

Leia mais:

Artigo anteriorSite de cara nova, versão 2013 Próximo artigoPublicação mais antiga daqui

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website