Experiências fotográficas em filme e outras analogias...

Quando a gente começa a colecionar câmeras sempre bate aquela curiosidade com as mais antiguinhas: quando ela foi fabricada, quantos anos ela tem, quantos filmes ela já bateu, etc.
A maioria dos fabricantes gostam de criar códigos secretos e usá-los como números seriais, servindo como o RG da câmera, mas com coisas como data de fabricação e local da fábrica, como no caso das Olympus Trip35.
Agora descobri um site que tem esse decodifica os seriais das câmeras da Kodak mais antigas.

Como funciona

Os seriais da kodak são baseados neste código abaixo:


C A M E R O S I T Y

1 2 3 4 5 6 7 8 9 0

Assim as letras do serial são convertidas para o ano (quando são apenas duas letras) e mês/ano de fabricação (quando tem 4 letras). Esses códigos podem estar gravadas na lente ou dentro da câmera. Exemplo: EY pode ser convertido para o ano 1940, RO para 1956 e por aí vai.

E aí? Quantas Kodaks antigas você tem? Vamos avaliar a idade delas? Mostra a sua que eu mostro a minha.

Mais detalhes da técnica no link.

Link

Leia mais:

Artigo anterior"Como usar o antigo Lomography Fisheye Adapter na Holga 120", artigo publicado na Lomography Magazine Próximo artigoPra fotografar: #Local Pça Santa Terezinha, (Igreja Neo-gótica)

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber a newsletter com notificações de novas publicações por email.

O que você acha?

Nome obrigatório

Website