Arquivo da categoria: Fotografia Analógica

Todos os aspectos da fotografia analógica, processos antigos, revelação, ampliação, tratamentos e tudo que você queria saber mas não sabia onde perguntar.

Polaroid Duochrome 600, instantâneos amarelo e preto

Polaroid Duochrome 600, instantâneos amarelo e preto 1

O Polaroid Duochrome 600 é um filme instantâneo para fotos com duas cores, só preto e amarelo. Simples assim, com bordas em preto fosco! Simples assim, com bordas em preto fosco! Meio surreal e totalmente interessante.

A Polaroid tem lançados edições especiais de seus filmes pra lá de especiais já para chamar a atenção de artistas e enstusiastas da fotografia instantânea nesse mar de opções digitais que existe. Para quem se interessa por fotografia das antigas e pode investir, é uma fonte imensa de opções. Continue lendo Polaroid Duochrome 600, instantâneos amarelo e preto

Polaroids originais de Star Wars do set dos filmes da trilogia

Polaroids originais de Star Wars dxfoto 9

Uma série de Polaroids originais do set de Star Wars, tiradas durante a produção dos filmes da trilogia mostrando um pouco de bastidores, teste de figurino, e muita nostalgia.

Era comum o uso de polaroids pra manter as coisas em ordem, hoje devem usar câmeras digitais para isso, mas na época o jeito era usar filmes instantâneos. Tem SX-70, peel-apart films, o que estivesse a mão.

Muito legal ver esse outro lado de uma produção que gostamos tanto, que fez parte da infância (e da vida) de muita gente, eternizando esses momentos também em fotografia. Essas imagens foram compartilhadas no twitter pelo ator Joseph Gordon-Levitt.

Vejas as fotos Polaroids originais do set de Star Wars

Continue lendo Polaroids originais de Star Wars do set dos filmes da trilogia

Royal Photographic Society torna 165 anos do Royal Photographic online e gratuito

Royal Photographic Society torna 165 anos de seu jornal online gratuito

Ótima fonte de informação sobre fotografia na versão impressa, o Photographic Journal da Royal Photographic Society, agora também é uma ótima fonte de pesquisa online, pois toda sua história de mais de 165 anos foi digitalizada! Continue lendo Royal Photographic Society torna 165 anos do Royal Photographic online e gratuito

“Girls in the Windows”: a história por trás dessa foto icônica de Nova Iorque

“Girls in the Windows”: a história por trás dessa foto icônica de Nova Iorque, por Ormond Gigli

Serei bem sincero, não me lembro de ter visto essa fotografia antes, mas tenho que dizer que é muito incrível e fica mais incrível ainda ao descobrir a história por trás da foto “Girls in the Windows”, de Ormond Gigli. Continue lendo “Girls in the Windows”: a história por trás dessa foto icônica de Nova Iorque

4 dicas de lugares pra hora de caçar câmeras antigas

Dicas pra hora de caçar câmeras antigas - DXFoto

Uma das coisas mais gostosas para quem realmente é viciado em fotografia analógica é a caçada, a busca (interminável) por um novo troféu para ser exibido em uma estante, um álbum no flickr ou para ser pendurado no pescoço, carregado com filmes e mais filmes. Mas é também uma das coisas mais frustrantes que existem!

Nem sempre achamos o que queremos. E pior, nem sempre tempos fontes disponíveis. Mas dá pra ter um esquema pra ajudar e que sempre funciona comigo! Continue lendo 4 dicas de lugares pra hora de caçar câmeras antigas

Fotografia Estéreo ou 3D com a Olympus Trip

Fotografia Estéreo ou 3D com a Olympus Trip

Estéreo Fotografia, ou fotografia 3D é simplesmente simular uma visualização tridimensional utilizando duas imagens feitas usando câmeras ou acessórios especiais. Este é um passo-a-passo mostrando como foi que montei meu setup com duas Olympus Trip para fazer fotografia estéreo ou 3D analógica!

Para começar

Para a gente que gosta de fotografia e tem habilidades manuais é relativamente simples a criação de um mecanismo que permita a criação de imagens tridimensionais a um custo baixo. Basta duas câmeras iguais, um pouco de boa vontade e tempo disponível.

Com algumas coisas simples de se conseguir e criatividade você pode começar a criar sua própria máquina 3D. Veja a lista de coisas necessárias:

  • Duas câmeras analógicas (Trip 35 neste caso), com rosca pra tripé e botão disparador com rosca para cabo disparador;
  • Dois cabos disparadores;
  • Uma barra de alumínio;
  • Dois parafusos (manipulo) de 1/4 de polegada (compatível com a rosca de tripé das câmeras).

Pegue o projetinho

Página 01 do projetinho.

Página 02 do projetinho.

Como funciona?

As duas câmeras são posicionadas lado a lado de forma análoga aos nossos olhos. Cada uma capta a mesma cena, mas com uma pequena diferença de ponto de vista proporcionada pela distância das lentes, graças ao efeito paralaxe.

Paralaxe (do grego παραλλαγή, que significa alteração) é a diferença na posição aparente de um objeto em relação a um plano de fundo, tal como visto por observadores em locais distintos ou por um observador em movimento. (wikipedia)

Ao forçar cada olho a ver sua imagem correspondente nosso cérebro as sobrepõe, causando a impressão de tridimensionalidade, dando uma sensação de profundidade semelhante ao que temos ao ver a cena real. Mas no caso da fotografia é uma simulação.

A distância entre os eixos das lentes é o que simula a distância entre nossos olhos. Por isso as câmeras devem ser iguais, com o mesmo tipo de filme e disparadas ao mesmo tempo. E claro, devem estar o mais alinhadas possível.

Um ponto importante é clicar ao mesmo tempo, então usar cabos disparadores ajudam bastante a não tremer na hora do click.

As fotos feitas com a geringonça

Para enxergar o efeito tridimensional vai ter que fazer aquela técnica de ficar meio vesgo até as duas imagens separadas se sobreporem. É difícil, mas quem já brincou com aqueles livros 3D que fizeram sucesso nos anos 90 vai tirar de letra!

Prévia do TripTrip

Santa | Santa Terezinha | Terezinha

Céu | Céu

E aí, conseguiu enxergar a tridimensionalidade das fotografias?

Publicado originalmente em 18 de janeiro de 2010. Quem me inspirou nessa foi o VP, que muitos anos atrás começou a fazer isso com duas Olympus Stylus com controle remoto.

William Eggleston In the Real World, assista o documentário

William Eggleston In the Real World, assista o documentário - DXfoto

William Eggleston in the Real World é um documentário sobre o fotógrafo americano William Eggleston, dirigido por Michael Almereyda e lançado em 2005 e revela a profunda conexão entre a personalidade do fotógrafo e seu trabalho, bem como talentos paralelos como músico, desenhista e cinegrafista. Assista aqui:Continue lendo William Eggleston In the Real World, assista o documentário

DianaDay é 4 de agosto, tem fotografado com a sua?

O dia 4 de agosto é o DianaDay, um dia pra celebrar a fotografia analógica e a boa e velha Diana. E não é que isso me parece uma boa ideia!

#DianaDay - dxfoto - 02

A ideia é fotografar durante todo o dia com uma Diana ou uma das suas clones, depois revelar as fotos e publicar online durante todo o mês de agosto com a hashtag #DianaDay.

Simples assim. E acompanhe a hashtag no twitter, instagram, facebook e até no Flickr!

Me siga lá no instagram https://www.instagram.com/p/BmEwJUqhJf8/

#DianaDay - dxfoto - 01

Bora tirar o pós desse brinquedo?

Kodachrome, será um filme positivo da Netflix?

Netflix Kodachrome - dxfoto

Um road movie com pai e filho, resolvendo suas questões em uma viagem até a pacata cidade de Parsons – Kansas, onde tem o último lab que pode revelar seus rolos de Kodachrome.

Tem Leica, tem estrada, tem um conversível vermelho, tem a Elizabeth Olsen (a irmã Olsen que deu certo) e tem muito lugar “fotografável”. Só isso já vale a pena. E tem mais, pode assistir na Netflix!

Netflix Trailer Kodachrome - dxfoto

Assista ao Trailer de Kodachrome, um filme positivo da Netflix?

Continue lendo Kodachrome, será um filme positivo da Netflix?

One last frame, um curta de Niels Windfeldt

One last frame - DXFoto

Já pensou se você tivesse que fazer uma única última fotografia e depois não pudesse fotografar mais?

Eu não, principalmente com a fotografia digital facilitando a vida e deixando a nossa disposição um filme infinito que dura enquanto houver baterias e espaço de armazenamento e podemos fazer imagens facilmente reproduzíveis a qualquer momento em qualquer situação.

Mas Niels Windfeldt pensou e criou esse exercício em um curta. Para refletir sobre a fotografia, o tempo, nossa relação com as imagens… ou só curtir a viagem!

Assista ao curta One Last Frame de Niels Windfeldt

Continue lendo One last frame, um curta de Niels Windfeldt

Pôsteres Reasons to try film da Ilford Photo

A série de pôsteres Reasons to try film da Ilford Photo mostra 8 motivos para que você fotografar com filme, segundo a fabricante de filmes e papeis preto e branco. Oferecendo arquivos em alta definição para download gratuito, é uma contribuição legal para quem curte fotografia com filme e quer colocar na parede alguns pôsteres além das suas próprias fotos (hey, lugar de foto é ampliada e na parede, não é?).

Lembrou vagamente as 10 regras de ouro da lomografia, que também fizeram uns pôsteres tempos atrás e ficaram bem legais.

Cada pôster tem um lema, uma sugestão do motivo segundo o qual você deveria fotografar com filme (da ilford, claro) e tem um rolo de cada um dos seus produtos.

Baixe a série de Pôsteres Reasons to try film da Ilford Photo

Continue lendo Pôsteres Reasons to try film da Ilford Photo

Câmera Velha #1 Antônio Neto Apresentando o Canal

câmera velha - Antônio Neto - dxfoto

Neste vídeo ele apresenta e explica tudo que vai rolar no primeiro canal brasileiro exclusivo sobre fotografia analógica!!

O canal Câmera Velha

Conheça o canal do Antônio, que conheci do grupo Queimando Filme no Facebook. É um canal dedicado 100% ao conteúdo sobre fotografia analógica, tocado com muito carinho pelas velhotas e filmecos e vai rolar dica, tutoriais, notícias, reviews de câmeras, equipamentos, filmes, revelação e muito mais.

Mais um lugar pra aprender e (re)aprender sobre fotografia analógica. Assina o canal, dá aquele joinha e se puder comenta lá que viu aqui no DXFoto ;) …

Assista Antônio Neto #1 Apresentando o Canal

Continue lendo Câmera Velha #1 Antônio Neto Apresentando o Canal

Câmera Velha #0 Chamada para o canal

Câmera Velha #0 Chamada para o canal

Com este primeiro vídeo conheça o canal Câmera Velha do Antônio Neto, que conheci do grupo Queimando Filme no Facebook. É um canal dedicado 100% ao conteúdo sobre fotografia analógica, tocado com muito carinho pelas velhotas e filmecos e vai rolar dica, tutoriais, notícias, reviews de câmeras, equipamentos, filmes, revelação e muito mais.

Enfim, é mais um lugar bacana pra aprender e (re)aprender sobre fotografia analógica. Assina o canal, dá aquele joinha e se puder comenta lá que viu aqui no DXFoto ;) para ele saber a quem agradecer depois!

Assista Câmera Velha #0 Chamada para o canal

Continue lendo Câmera Velha #0 Chamada para o canal

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 01

Já faz tempo que procuro uma outra maneira de fotografar com câmeras analógicas sem precisar usar filme. O apelo do papel fotográfico é grande mas tem uma coisa chata, era negativo. Com o aumento de opções de papeis diretos positivos começou a ficar mais interessante usar papel em câmeras mais portáteis do que as grande formato.

Já tinha visto o Washi Paper Film que é feito usando um tipo de papel especial com uma emulsão fotosensível, mas ele também é negativo e tem um ISO super baixo, entre 3 e 6.

O pessoal da Galaxy Photo Paper já tinha feito um kickstarter de sucesso para lançar seu papel direto positivo super rápido para câmeras de grande formato com a velocidade absurda de ISO 120. Agora com seu segundo kickstarter conseguiram fazer o que eu queria há tanto tempo: rolos de filme médio formato (filme 120) com o mesmo ISO 120!

Isso significa que poderemos fotografar de dia com velocidades altas para não precisar de tripé e tampouco de ficar sentado atrás da câmera esperando uma longa exposição.

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 02

O papel fotográfico positivo em rolo pra câmera de médio formato – a velocidade da polaroid com o visual clássico da fotografia preto e branco.

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 03

Revelação de 3 minutos do rolo de Papel fotográfico positivo

O papel fotográfico tem um processo de revelação próprio que envolve os químicos developer, bleach, clearing e toner, intercalados por lavagens com água normal. Ainda vou descobrir os componentes desses químicos pra experimentar!

É uma ideia muito legal, não que o papel vai substituir o filme, mas o processo todo é bem próximo da revelação de um filme preto e branco normal, mas no final você já tem um pedaço de papel positivo pronto pra usar. Se isso aparecesse um pouco antes ia ser uma revolução no mercado de lambe-lambe das praças do interior do Brasil, que ia fazer os caras economizarem uma etapa do processo deles de fotografar com papel negativo, revelar, fotografar o negativo com outro papel e aí sim revelar uma imagem positiva (só estou viajando um pouco).

É muito interessante imaginar que uma câmera de médio formato poderia ter uma imagem quase tão instantânea assim para mostrar logo depois de fotografado!

Fora que é mais um processo fotográfico muito bacana que permite o fotógrafo experimentar todas as etapas do processo de criação de imagem, desde o click até a revelação do papel.

E claro, eles tem ainda o papel positivo iso 120 deles em formato grande, em folhas, perfeito para fotografia pinhole, claro! A fotografia pinhole só tinha uma coisa que me incomodava: a imagem no papel ser negativa. Com esse papel é bem mais simples até fotografar com pinhole de lata de mucilon gigante.

Estou muito otimista, mas já sei que o tal rolo vai chegar aqui nas nossas mãos brasileiras com um valor muito mais alto do que podemos gostar.

Espero ter logo a oportunidade de fotografar com um rolo de Papel fotográfico positivo da Galaxy com a minha yashica mat e, porque não, uma Holga?

Fotos com o rolo de Papel fotográfico positivo

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 05

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 06

Papel fotográfico positivo ISO 120 em rolos de médio formato - dxfoto 04

Links

FP-100C morreu pelas mãos da Fuji

FP-100C morreu pelas mãos da Fuji - DXFoto

Nos últimos anos a Fuji vem sistematicamente cometendo assassinatos na sua linha analógica, eliminando um filme após o outros em prol da sobrevivência nesse mundo cão da imagem moderna e digital. Pelo menos é o que eles alegam. O coitado da fez é o incrível FP-100C, filme instantâneo do tipo peel/apart (aqueles que você desgruda um lado do outro pra ter uma imagem positiva e uma negativa). Continue lendo FP-100C morreu pelas mãos da Fuji

Eletrofotografia ou fotografando com xerox

eletrofotografia ou fotografando com xerox - dxfoto

E se você pudesse usar uma máquina de xerox para fotografar, mas não daquele jeito que todo mundo faz colocando a mão (a cara ou outra parte do corpo) no vidro da máquina e simplesmente copiando? E se pudesse usar de um jeito totalmente diferente e usando física e tecnologia de uma maneira que beira a magia?

É assim mesmo que Tom Carpenter fotografia com suas “câmeras” de fotocópia. Ele é um fotógrafo maluco que resolveu usar o processo que acontece dentro de uma máquina de xerox como arte. Fotografia mesmo, é basicamente fotografando com eletricidade e toner de xerox!

Além de criar arte com seu processo ele oferece cursos e workshops para quem quer se aventurar no maravilho mundo da eletrofotografia.

Assista ao vídeo de eletrofotografia

Continue lendo Eletrofotografia ou fotografando com xerox